Juri Popular

Juri popular condena peixeiro a 6 anos de prisão em regime semiaberto por tentar matar garota de programa em Mossoró

ImagemO Tribunal do Júri Popular condenou nesta segunda feira 08 de outubro, o peixeiro Francisco Rodrigues Neto, "Galego do peixe", a 6 anos de prisão no regime semiaberto por tentar matar a facadas Luzia Elizângela Silva, crime ocorrido no dia 10 de novembro de 2012, na Avenida Presidente Dutra no Alto São Manoel em Mossoró RN.
De acordo com os autos do processo, o acusado teria saído com a vítima, que era garota de programa e depois do ato sexual se recusou a pagar o programa. Luzia Elizângela revoltada, pegou uma faca e furou os pneus da bicicleta do acusado.

Por causa disso ele tentou matá-la com a mesma faca usada para cortar os pneus de sua bicicleta, desferindo três cutiladas na vítima, que foi socorrida para o hospital e sobreviveu ao atentado.

O Corpo de jurado entendeu que o acusado tentou contra a vida da vítima por motivo fútil e o condenou por tentativa de homicídio qualificada. Galego do Peixe não ficará na prisão, já que ele foi sentenciado para cumprir pena em regime semiaberto, regime este já extinto na Penitenciária Mário Negócio. O sentenciado cumprirar a pena em casa.

08 de Outubro de 2018

Postado às 22h06min

(1) Comentários

1 Comentários

Esconder formulário
  • Desconhecido
    Há 2 meses
    Isso é justiça? Brasil é uma vergonha ja esqueceram oque ele fez