publicidade

Mossoró, 22 de Outubro de 2017

DEFUR prende por força de mandado judicial mais dois suspeitos de envolvimento no latrocínio do servidor da UERN em Mossoró

16 de Junho de 2017

Postado às, 12h39min

Jefferson Batista e Ivonete Tintino foram presos nesta sexta feira por força de mandado judicial

 

Há pouco mais de treze dias após o crime de latrocínio, (Roubo seguido de morte) contra o servidor da Universidade Regional do Rio Grande do Norte (UERN), Heroito Gonçalves Falcão, morto dentro de casa no Abolição II em Mossoró, durante assalto, a Delegacia de Furtos e Roubos (DEFUR), tendo a frente os dois delegados, Luiz Fernando e André Alburquerque, com apoio da 3ª equipe da Delegacia de Plantão, conseguiu juntar as peças do quebra cabeça e desvendar o crime.

Segundo o delegado da especializada, Luiz Fernando, três dos envolvidos no crime já estão presos por determinação judicial, são eles: o cabeleireiro Pedro Henrique da Silva, preso pela 3ª equipe da DP de Plantão, no dia seguinte ao crime, a sua esposa técnica de enfermagem Ivonete Tintino da Silva, que trabalhava na casa da vítima e teria passado informações para o marido e Jefferson Batista Souza Morais.

Jefferson Batista e Ivonete Tintino foram presos nesta sexta feira 16 de junho, pela equipe da Delegacia de Furtos e Roubos, por força de mandados de prisão expedidos pela justiça. Jefferson Batista foi preso preventivamente e Ivonete Tintino teve o mandado de prisão temporário.

Os dois foram presos em suas respectivas casas e conduzidos à Defur onde foram interrogados pelo delegado Luiz Fernando, acompanhados de seus advogados. De acordo o bacharel Luiz Fernando, Jefferson confessou sua participação no crime, disse que apenas dirigiu o carro, e apontou todos os outros envolvidos.

Já Ivonete Tintino, segundo Luiz Fernando, disse que é inocente e que não teve nenhuma participação no crime, apenas esperava o marido para pegá-la como fazia rotineiramente. Os outros três envolvidos, de acordo com o delegado, dois se encontram foragidos, mas já estão com mandados de prisão preventivas expedidos pelo judiciário. São Eles: Anderson Rocha de Oliveira e Michael Eduardo Rocha da Silva.

Felipe Rodolfo da Silva, irmão de Pedro Henrique da Silva, de acordo com o titular da DEFUR, também estava envolvido no latrocínio, mas este foi assassinado, quando se dirigia ao ITEP para fazer exame papiloscópíco na última quarta feira (15).  A Morte dele está sendo investigada pela Divisão de Homicídios (DHPP).

Dr. Luiz Fernando concluiu a entrevista concedida ao blog Fim da Linha, afirmando que o latrocínio está elucidado com as respectivas autorias e que o inquérito está praticamente concluído, faltando apenas a parte pericial, para que seja encaminhado a Justiça.

Em relação aos dois foragidos, Luiz Fernando enfatizou que sua equipe está trabalhando dia e noite para localizá-los e que a prisão dos dois é questão de dias.

Pedro Henrique e seu irmão Felipe Rodolfo (assassinado em frente ao ITEP)

Anderson Rocha e Michael Eduardo estão com mandados de prisão e encontram-se foragidos

Envie seu comentário:

Digite o código pra enviar seu comentário:

Obs: Coloque da mesma forma como está na imagem respeitando se for maiúsculo ou minúsculo.

Comentários:

Revoltado..
16/06/2017 - 18:19 hs

01 já viajou, falta o restante (a mulher e os outros comparsas). CHUMBO GROSSO NELES!!!!!!

Anonimo
16/06/2017 - 19:11 hs

Ei vcs da Polícia vc diz que o caso ta encerrado mais vc não colocaram o vídeo nao da casa da vítima na hora do roubo para nois ver se ele mesmo????

Rafael Holanda
16/06/2017 - 20:32 hs

Delegado competente Dr Luiz Fernando

Cobrança
16/06/2017 - 23:28 hs

E a delegada da delegacia da mulher que não resolve o caso Valeria?

Justisa
16/06/2017 - 23:30 hs

Ei anonimo que ganha tempo DOTOR LUIZ FERNANDO e muito competente parabéns a todos os policiais que tao empenhados de colocar essa mafia na cadeia e jogue a chave forra e eles todos algemados pra não cava nem um tumulo pra fugi

Justisa
16/06/2017 - 23:31 hs

Ei anonimo que ganha tempo DOTOR LUIZ FERNANDO e muito competente parabéns a todos os policiais que tao empenhados de colocar essa mafia na cadeia e jogue a chave forra e eles todos algemados pra não cava nem um tumulo pra fugi

DANIELSON
17/06/2017 - 07:41 hs

Parabéns ao trabalho dos delegados e toda equipe que desarticulou mais quadrilha de criminosos, tudo leva a crer que a Ivonete Tintino da Silva, é a pior, a mais covarde e cruel integrante da quadrilha. A Ivonete trabalhava com o Sr. Hiroito, tinha toda confiança da família, não lhe faltava nada, sempre que precisa de algum tipo de ajuda do Sr. Hiroito, ele se com satisfação fazia de tudo que estava ao seu alcance, e como retribuição, ela articula uma ação covarde, diabólica, que termina um plano demoníaco, colocando um ponto final na vida de um cidadão de bem. A sociedade Mossoroense, será eternamente grata com o trabalho eficiente, que os delegados com suas equipe vem desenvolvendo em prol da segurança de todos. PARABÉNS Srs. DELEGADOS E TODA EQUIPE DE POLICIAIS.

justiça
17/06/2017 - 10:50 hs

EI, VOCÊ QUE SE DENOMINA JUSTIÇA COM “S”, VOCÊ FEZ UM CURSO DE BABÃO FOI? AO INVÉS DISSO; VOCÊ DEVERIA FAZER ALFABETIZAÇÃO, PARA APRENDER A ESCREVER.

Cidadão de bem
17/06/2017 - 12:48 hs

Era bom que desses a esses vagabundos o mesmo que eles deram ao pai de família que até hoje os filhos clamam com a falta dele.O cidadão de bem foi para a eternidade e essas pestes vivas eram para irem todas para o inferno.E ainda tem gente que defende essas pragas.

Copyright © 2011 Blog Fim da linha. Todos os direitos reservados

Topo