Acusados do assassinato do advogado Eliel Júnior passarão por audiência de instrução na justiça no dia 20

Advogado foi morto em via pública

Os três homens acusados do assassinato do advogado Eliel Ferreira Cavalcante Júnior de 25 anos, crime ocorrido no dia 9 de abril dessse ano, no Bairro Boa Vista em Mossoró, no Rio Grande do Norte, passarão por audiência de instrução. O juiz da primeira vara criminal, Dr. Vagnos Kelly de Figueiredo, marcou a audiência para o dia 20 desse mês, no Forum Silveira Martins.

Na ocasião, estarão presentes o juiz Vagnos Kelly, o promotor Ítalo Moreira Martins, os advogados dos réus, os advogados que irão atuar como assistentes da acusação e as testemunhas do caso. Esta audiência, não é para julgamento dos acusados e sim para reunir provas, para saber se eles vão a juri popular.

O promotor de justiça do caso, Dr. Ítalo Moreira, informou que os depoimentos que as testemunhas forneceram na Polícia Civi e que constam no inquérito policial, têm como finalidade principal servir como fundamento para que o promotor ofereca, ou não, a denúncia, que levará os acusados ao banco dos réus.

Os três acusados são: Ialamy Gonzaga, o Junior Preto, Josemberg Alexandre da Silva, conhecido por “Beberg” e Francisco de Assis Ferreira da Silva, o “Nenem”, que  estão custodiados na Cadeia Pública de Mossoró. Além do homicídio contra o advogado de Eliel, eles também são acusados de tentar matar o namorado dele, Lucas Emanoel,

06/07/2022
Postado às 08:32

Deixe o seu comentário!