Caso Luan: Polícia Civil indicia policial militar por homicídio de estudante em Mossoró

capa
Luan Carlos a vítima

A Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) concluiu, nesta terça-feira 31 de agosto de 2021, o inquérito policial referente ao crime de homicídio, ocorrido no dia 01 de julho desse ano, em Mossoró e que vitimou o estudante Luan Carlos Melo Barreto, 23 anos, A investigação resultou no indiciamento de um policial militar, cujo nome não foi revelado pelo delegado, Marcos Vinícius, responsável pela investigação do caso, 

Segundo as investigações, a ação aconteceu quando policiais militares realizavam busca para capturar suspeitos de assaltos na região dos bairros Abolição e Santo Antônio. Na ocasião, a vítima estava em uma motocicleta, trafegando em alta velocidade, quando foi confundida com um dos suspeitos dos roubos. Na tentativa de fazê-lo parar, um dos policiais efetuou disparo contra a vítima, que foi atingida na região da cabeça. Apesar de ter sido socorrido para o hospital, Luan Carlos não resistiu ao ferimento. 

Para esclarecimento dos fatos e das circunstâncias envolvidas, foram considerados os vestígios coletados no local e imagens do momento da abordagem, analisados em conjunto com os exames periciais, levando à identificação da arma utilizada e de quem disparou, atingindo a vítima.  A Polícia Civil solicita que a população envie informações, de forma anônima, por meio do Disque Denúncia 181. 

Fonte: Secretaria de Comunicação Social da Polícia Civil/RN – SECOMS.

31/08/2021

Postado às 11:28

Nenhum comentário - Comentar

Comentar