Operação Resistência: Tribunal de Justiça expede mandados de prisão contra presos liberados da Cadeia Pública de Mossoró

capa

Os investigados por suspeita de integrarem uma organização criminosa voltada para o tráfico de drogas, homicídios e roubos, atuante nas regiões do Ouro Negro, Malvinas e Sumaré, presos durante a Operação Resistência deflagrada em maio passado pela Polícia Civil em Mossoró, estão voltando pra prisão.

!6 dos 32 presos na Operação, que estavam custodiados na Cadeia Pública, foram soltos, no dia 17 de junho por determinação da justiça, alegando que não houve tempo hábil para pronunciamento do Ministério Pública em relação aos inquéritos. No início desta semana o Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte, expediu novos mandados de prisão contra os que foram liberados.

Nesta quarta feira 12 de agosto, três investigados, instruídos pelos seus advogados se apresentaram na Delegacia de Narcóticos. Adailton Alves Cosme da Silva, José David Rodrigues de Morais e Ícaro Ramon Souza de Oliveira foram encaminhados ao ITEP onde passaram por exames de corpo de delito e depois conduzidos ao sistema prisional onde ficarão a disposição da justiça.

Segundo o Dr. Alex Wagner, delegado da Denarc e que coordenou a Operação Resistência, os outros mandados de prisão serão cumpridos de forma paulatina. Para isso é preciso programar operações tendo em vista que são muitos que estão com mandados judiciais.

13/08/2020

Postado às 07:14