Tatuador e Ex-presidiário é assassinado a tiros em Campo Grande na região Oeste Potiguar

capa

A cidade de Campo Grande, distante 89 quilômetros de Mossoró, na região Oeste do Rio Grande do Norte, registrou seu primeiro homicídio em 2021. O crime aconteceu na noite deste sábado, 16 de janeiro e teve como vítima, Luiz Pedro de Souza Faustino, 28 anos de idade, natural de Mossoró, mas segundo informações morava e trabalhava como tatuador em Campo Grande.

Ele foi surpreendido e alvejado quando chegava de moto em sua residência e mesmo baleado correu para uma área de mata numa tentativa de escapar da morte, mas foi alcançado e executado dentro do mato nas imediações da antiga AABB, naquela cidade. A Polícia ainda não tem informações sobre a motivação do crime e desconhece até o momento a identidade dos assassinos.

De acordo com informações da Polícia Militar local, a vítima era assustada e tinha medo de ser morto por inimigos. O mesmo costumava dormir em cima de uma árvore no muro da casa onde morava com os pais. Ainda de acordo com a polícia Luiz Pedro, cumpriu pena no Complexo Penal Mário Negócio em Mossoró, por crimes de receptação (artigo 180) e posse ilegal de arma de fogo (artigo 14), mas não devia mais nada a justiça.

A equipe da unidade do ITEP de Mossoró foi ao local, acompanhada da equipe da Delegacia de Plantão da Polícia Civil, para realização de procedimentos de perícia e remoção do corpo para ser examinado em sua base na capital do Oeste Potiguar. O caso será investigado pela Delegacia da Polícia Civil de Caraúbas.

17/01/2021

Postado às 11:53